(15) 3100-0265 (11)93308-6265
Clínica para dependentes químicos involuntários

Clínica para dependentes químicos involuntários


Você gostaria de saber como funciona uma clínica para dependentes químicos involuntários? Tem algum caso de dependência química na sua família e está pensando em contar com os serviços de uma clínica de recuperação mas não sabe nada sobre o assunto ou sabe bem pouco? Então continue lendo, pois o Grupo Recomeço vai compartilhar com você algumas informações importantes. Boa leitura!

As internações involuntárias são internações realizadas sem o consentimento do paciente. Pode parecer um pouco estranho e causar certa polêmica a ideia de internar alguém contra sua vontade. Mas ao longo deste artigo você vai perceber que não é algo ruim como aparenta ser.

A grande maioria das pessoas - inclusive profissionais do ramo - concorda que as internações voluntárias são melhores, pois o paciente se sujeita espontaneamente ao tratamento, com pouca ou nenhuma resistência.

Já no caso da internação involuntária, não necessita da autorização do paciente para ser realizada, porém precisa do consentimento da família ou do responsável.

Nós sabemos que recorrer a uma clínica para dependentes químicos involuntários representa um passo sempre difícil para a família que, em boa parte dos casos, se encontra em uma situação delicada.

Ao mesmo tempo, a opção é capaz de proporcionar o resgate da segurança e da dignidade do indivíduo em um momento de grande vulnerabilidade, no qual ele, sozinho, já não consegue se ajudar.

Antes de optar pela internação involuntária, é importante entender o que ela representa, quais são as suas implicações, em quais casos é indicada e como o tratamento é conduzido.

 

Veja porque você e sua família podem confiar na clínica para dependentes químicos involuntários

Como dissemos antes, muitas vezes é difícil para a família recorrer a uma internação involuntária, mas pode ser que esta seja a única alternativa para ajudar o ente querido.

No caso do Grupo Recomeço, nossa equipe de resgate tem vasta experiência em lidar com internações involuntárias. Tudo é feito de forma profissional e segura para todos envolvidos. Desde o próprio paciente, seus familiares e também a nossa equipe.

Nós prezamos pela integridade de todos e tratamos nossos pacientes e seus familiares com total respeito e dignidade.

E se você ainda tem dúvida se a prática da internação involuntária é algo legal, fique tranquilo(a). Pois sim, existe uma lei sobre o tema. A Lei da Internação Involuntária, como ficou conhecida a Lei N° 13.840, de 5 de junho de 2019.

Veja como a lei define a internação involuntária:

Aquela que se dá, sem o consentimento do dependente, a pedido de familiar ou do responsável legal ou, na absoluta falta deste, de servidor público da área de saúde, da assistência social ou dos órgãos públicos integrantes do Sisnad, com exceção de servidores da área de segurança pública, que constate a existência de motivos que justifiquem a medida.”

A legislação estabelece que a internação deve ser precedida de formalização da decisão por médico responsável.

Apenas para ficar bem claro, mesmo a internação involuntária sendo uma alternativa, ela só é utilizada quando esgotadas outras possibilidades de atenção ao dependente químico.

Portanto, se você tem um familiar dependente químico, e já tentou convencê-lo(a) a procurar ajuda profissional através do diálogo e não adiantou, talvez seja o momento de buscar uma clínica para dependentes químicos involuntários. Principalmente se a vida de quem você ama corre risco.

Entre em contato agora mesmo com o Grupo Recomeço e saiba mais!

(11)93308-6265

Solicite um atendimento

Fale com nossos especialistas. Atendimento 24 horas para emergências e remoção.

Blog

Aceitamos Planos de Saúde

planos de saude
Este site usa cookies do Google para fornecer serviços e analisar tráfego.Saiba mais.